terça-feira, 9 de outubro de 2018

Ela parece calmaria..
Mas é pura insanidade

by nega
Rasga meu corpo
E mela meu sorriso..

by nega

quinta-feira, 4 de outubro de 2018

Não espero que me aceitem como sou, espero quem me respeitem
por ser quem sou

domingo, 30 de setembro de 2018

Pensamentos loucos
rasgados
labirintos desvendados
desejos
insanos

by nega

sábado, 29 de setembro de 2018

lambe o corpo
o delírio
em desejos...
bebo você

By nega

sexta-feira, 28 de setembro de 2018

o






Me toma em desatino
entre uma estrela e outra
nossos corpos
metem
sem juizo

by nega

terça-feira, 25 de setembro de 2018

delírio em fogo
desejo
você escorre
te bebo
prazer

by nega

segunda-feira, 24 de setembro de 2018



Em tua boca  danço
te  molho
rio que escorre
em teu  mar

by nega

domingo, 23 de setembro de 2018

Tua língua brinca
Minha alma sorri

By nega

sábado, 22 de setembro de 2018

Mãos sedentas
Insanas
Profanas
Fodem meu querer

by nega

quarta-feira, 12 de setembro de 2018


Exposta
Desejo na pele
Corpo queima
Alma aberta
Meu sorriso grita

By nega


sábado, 8 de setembro de 2018

Teus dedos
invadem
meus desejos

By nega

terça-feira, 24 de abril de 2018


Vontades partilhadas
Desejos melados
Que escorrem
Metendo nosso tesão
Em nosso querer urgente

By nega

segunda-feira, 23 de abril de 2018

Desejos na pele
A pele queima
O corpo se abre
Sou mar

By nega

terça-feira, 3 de abril de 2018

Afaga
Toca
Brinca
Me transformo em
Desejos
que vertem
sem fim

By nega

quinta-feira, 29 de março de 2018


As palavras calam
Engulo
Você

Em verso
Em prosa
Em poesia

By nega

quarta-feira, 17 de janeiro de 2018

Mãos que tocam
brincam
molham
Mãos que me tornam 
mar

By nega

sábado, 6 de janeiro de 2018

a noite mãe do dia
molhava tua boca
na língua da poesia 
oh meu grande amor de versos perdidos 
murmurando na chuva como um refrão
que só faz sentido
no fundo da cama


Zeca Baleiro

quarta-feira, 15 de novembro de 2017


Desejo  pulsa
Mel escorre
A dor consome

by nega

terça-feira, 17 de outubro de 2017

E tua língua 
Pulsa
Em meu céu azul

By nega