sábado, 9 de maio de 2009

No sabor do meu desejo,
Me embriago de prazer.
Perco a calma,
Entrego a alma....
Ao meu querer...

By Serena

8 comentários:

Momentos...volupté! disse...

No sabor do teu desejo...
Me embriago em teu prazer...
És meu querer!!!

Tempestade disse...

"Perco a calma,
Entrego a alma...."

Beijos Tempestuosos!

Blue disse...

Ai..........calma!

Beijos

Ernani Netto disse...

No sabor do desejo o ideal é deixar-se levar até onde baste o prazer...

Bjaum

T disse...

Querida, gostava imenso de me concentrar no poema, mas com uma imagem deliciosa destas...penso que perceberás que me é mt dificil dizer seja o que for com coerencia! ;)

S, é esta a dentada que te dou se começas com as tuas coisas :P

Belissimo post :)
Continua a entregar-te de forma tão total! Um beijo querida

S disse...

Parece a minha T às voltas com o meu/dela pau!

:)

Ric disse...

Ai, que coisa gostosa essa roçadinha com o dente!

Beijo.

▒▓█► JOTA ENE ® disse...

Eca, que coisa tão grande... a boca, claro!