domingo, 3 de julho de 2011

Medo...



Medo de olhar no fundo
Medo de dobrar a esquina
Medo de ficar no escuro
De passar em branco, de cruzar a linha
Medo de se achar sozinho
De perder a rédea, a pose e o prumo
Medo de pedir arrego, medo de vagar sem rumo
Medo estampado na cara ou escondido no porão
O medo circulando nas veias
Ou em rota de colisão
O medo é do Deus ou do demo
É ordem ou é confusão
O medo é medonho, o medo domina
O medo é a medida da indecisão
Medo de fechar a cara
Medo de encarar
Medo de calar a boca
Medo de escutar
Medo de passar a perna
Medo de cair
Medo de fazer de conta
Medo de dormir
Medo de se arrepender
Medo de deixar por fazer
Medo de se amargurar pelo que não se fez
Medo de perder a vez
Medo de fugir da raia na hora H
Medo de morrer na praia depois de beber o mar
Medo... que dá medo do medo que dá
By Lenine




13 comentários:

Lou Albergaria disse...

jamais ter medo de mergulhar na vida, se lambuzar inteira...se esgasgar um pouquinho, paciência...valeu pela imensidão do mergulho.

Beijão!

Adorei a foto!

Dorei Fobofílica disse...

Belíssima, posso te dizer que com certeza existem vários tipos de medos, alguns são deliciosos, outros terríveis, mas certamente o mendo da vida não é um dos bons, pois mais vale uma vida intensa com suas dores e sorrisos, do que uma vida sem dores, sem risos e sem sabores.

Mais beijos e ótima semana!

Conde Vlad disse...

Hummm Nega... você só posta as melhores fotos... Igual a Helô, só fotos TOP. rsrs...

Eu que uma bucetinha peladinha, adorei essa cabeludinha. KKKKKKKKKKKKKKKKKKKK

Beijos do Conde.

Swingers Veronika e Cláudio disse...

Ai, amiga, eu descobri que toda vez que tive medo perdi ótimas oportunidades de seguir adiante e me libertar daquilo que não me pertencia mais. Hoje nada me assusta. Sou racional e analítica (às vezes nem tanto quanto seria o prudente), mas não tenho mais medo de nada. O máximo que pode acontecer é eu descobrir que aquilo pelo qual eu me arrisquei de alguma forma não é o ideal e, portanto, não será mantido ou repetido.

Ô, menina, eu tô ótima! Só tô segurando a onda porque sei que preciso, mas por mim estava pulando (leia "dando" e otras cositas más rs) por aí! rsrsrs

Beijos, obrigada pelo carinho, e que seu restinho de domingo seja iluminado!
Mais beijos, minha Nega linda!!!

{Λїtą}_ŞT disse...

Lenine é mesmo genial.
Vim desejar a vc uma ótima semana, cheia de surpresas.
Beijos.

{Λїtą}_ŞT

Hugo de Oliveira disse...

Brilhante postagem.

abraços

Eroticamente (In) Correto disse...

O MINISTÉRIO DA SAÚDE ADVERTE:

Dizer obrigado;
falar eu te amo;
dar um abraço;
pedir desculpas ou desculpar mesmo que em silêncio.
Ofertar um beijo,
olhar no olho e
brigar por quem você realmente gosta
não dói.
Não causa dependência e
são atitudes que você pode,
ao adiar, não ter mais chances de externar.
Portanto, jamais se prive de viver
estes momentos por motivos fúteis
ou princípios tolos.
Resumindo:
"Ame os que você ama até a exaustão,
sem ter vergonha de demonstrar isto".

Beijo In_Correto

SIL disse...

ola eu estava na vegando na net e achei seu blog muito tomantico .. o tema maravilhoso ..vim te convidar pra me ler tb
e quem sabe se vc quiser fazer parte da minha lista ..bom querida amei tudo aqui beijos grande meu SIL

† A Dangerous Mind ┼ disse...

Ame..sinta..prove..deguste!

Tudo sem ter medo bjos!

Swingers Veronika e Cláudio disse...

Nega, tô desejando insanamente te dar um carinho! Tem selinho pra vc lá em casa!
Beijo, linda!!!

juniorypriscila disse...

Boa tarde!!!
Passando para desejar uma ótima semana.
Beijinhos
juniorypriscila@hotmail.com
http://contoseroticosdejuniorypriscila.blogspot.com/

Intimo e Sigiloso disse...

Medo é algo que interfere e prova ao mesmo tempo ... não sei mas tudo com um pouquinho de medo é delicioso!

Pastelaria Editora disse...

Olá
Antes de mais nada , parabéns pelo blogue ! :)

Gostaríamos muito que desse uma vista de olhos no projecto DVB, de saber a sua opinião e.... qual o interesse em desenvolver o seu trabalho neste novo formato .

"Transformamos" o seu trabalhos (já editados em livro, ou não), num DVB- Digital Video Book, uma ideia original da Pastelaria Studios Productions

http://pastelariaestudios.blogspot.com/

É exactamente isso, os seus poemas seriam " trabalhados " em DVB . Um livro que se vê como um filme ...

O projecto é recente , é uma inovação , tal como explicamos no blogue.

Não se trata do mesmo funcionamento duma editora "normal", pois não somos uma editora e prestamos essencialmente um serviço criativo .

A minha sugestão seria, enviar-nos os seus "registos", e nós faremos um orçamento.
Posso adiantar que , por ser um projecto novo e , embora o trabalho criativo ( audio, voz, imagen, construção do DVB, etc ) seja bastante, queremos chegar ao maior número de autores de obras escritas , mesmo que essas estejam na "gaveta" .

um abraço
espero a resposta
qualquer dúvida estamos por aqui


pastelariaestudios@gmail.com