quarta-feira, 30 de novembro de 2011

(V) Meu doce Vampiro



Venha me beijar, meu doce vampiro
Oh, oh, na luz do luar
Ah, ah, venha sugar o calor de dentro do meu sangue vermelho


Tão vivo, tão eterno veneno
Que mata a sua sede e me bebe quente como um licor
Brindando a morte e fazendo amor


Meu doce vampiro, oh, oh, na luz do luar
Ah, ah, me acostumei com você sempre reclamando da vida
Me ferindo, me curando a ferida
Mas nada disso importa, vou abrir a porta prá você entrar
Beijar minha boca até me matar


Beijar minha boca até me matar de amor


By Rita Lee

4 comentários:

Nany C. disse...

Morrer de amor assim é tão...(ai, ai...)

Nega tá assim, assim...rsrsrs

Beijos minha, linda, no teu coração!

SexyButterfly disse...

Vampiros, mordidas e tudo mais que vem junto no pacote... ADOROOOOO!!!!

beijos borboléticos Nega querida!

Desejos e Fantasias de Casal disse...

Show... amamos essa música....



beijos


Cris e Junior
http://desejosefantasiasdecasal.blogspot.com/

DESIRE disse...

Hum a temperatura corporal vai deliciosamente quente por aí, minha querida
Bjs prometidos