quinta-feira, 12 de abril de 2012

Petala de amor

Prazer jamais sentido
Escorre por entre a pétala
Tesão e gemidos
Amor consentido
Libido
A petála vibra


Desejos Insanos
Escrava aberta


A vida na pele
Marcas no corpo
O corpo pede
Romance e prazer


By {Nega}_(V)

Nenhum comentário: