quinta-feira, 19 de julho de 2012

Lenha


Eu não sei dizer
O que quer dizer
O que vou dizer
Eu amo você
Mas não sei o quê
Isso quer dizer...
Eu não sei por que
Eu teimo em dizer
Que amo você
Se eu não sei dizer
O que quer dizer
O que vou dizer...
Se eu digo: Pare!
Você não repare
No que possa parecer
Se eu digo: Siga!
O que quer que eu diga
Você não vai entender
Mas se eu digo: Venha!
Você traz a lenha
Pro meu fogo acender
Mas se eu digo: Venha!
Você traz a lenha
Pro meu fogo acender...
Eu não sei dizer
O que quer dizer
O que vou dizer
Eu amo você
Mas não sei o quê
Isso quer dizer...
Eu não sei por que
Eu teimo em dizer
Que amo você
Se eu não sei dizer
O que quer dizer
O que vou dizer...
Se eu digo: Pare!
Você não repare
No que possa parecer
Se eu digo: Siga!
O que quer que eu diga
Você não vai entender
Mas se eu digo: Venha!
Você traz a lenha
Pro meu fogo acender...
Mas se eu digo: Venha!
Você traz a lennha
Pro meu fogo acender.....

5 comentários:

O caminho de perséfone core disse...

Rindo aqui neguinha...acabei de escrever ao meu DONO que ele me instiga, provoca, coloca minha devassidão a mil. Daí passo aqui e vejo o trecho da música:

"Mas se eu digo: Venha!
Você traz a lenha
Pro meu fogo acender..."

A ausência Deles nos deixa assim. E como é bom perceber que os sentimentos são iguais, o ardor, a vontade de sentir. Esperamos...mas ELES tb esperam, com certeza, esperam.

Adoro essa música! Linda escolha!
Beijos!
{perséfone core}_DC

¥ nyssa ¥...ÅS disse...

Zeca baleiro é TUDO!!!
Essa música é divina...
Beijos

SexyButterfly disse...

Gosto dessa música!

Adoro que coloquem lenha na minha fogueira... e colocar na dos outros...rs

Beijos borboléticos!

Natasha Paixão disse...
Este comentário foi removido pelo autor.
caren bittencourt disse...

Adoro que me deixem doida de tanto prazer...