quinta-feira, 22 de novembro de 2012

Acrônimo ACRÓNIMO Baunilhas não entram na história Disciplina, dominação estão estampados nos teus olhos. Sadismo, chicote na mão. Masoquismo, dor, submissão... Basta à noite fechar os olhos de prazer Daqueles que ao seu dono rastejam Silenciosos para o doce comando Métodos medievais, amarrados a um único prazer... Basta apenas um comando para a dor sublime Disciplina intrínseca entre o dono e o escravo Sempre numa mistura exorcizada de dor e prazer Métodos seguros de outras formas de amor... Baunilhas não entram na história Dos contos de luxurias noturnos Sentidos na pele o desejo de dominar e ser dominado Mútuo desejo... Dor, prisão, submissão, feche a porta! VERTIGO






ACRÓNIMO


Baunilhas não entram na história
Disciplina, dominação estão estampados nos teus olhos.
Sadismo, chicote na mão.
Masoquismo, dor, submissão...

Basta à noite fechar os olhos de prazer
Daqueles que ao seu dono rastejam
Silenciosos para o doce comando
Métodos medievais, amarrados a um único prazer...

Basta apenas um comando para a dor sublime
Disciplina intrínseca entre o dono e o escravo
Sempre numa mistura exorcizada de dor e prazer
Métodos seguros de outras formas de amor...

Baunilhas não entram na história
Dos contos de luxurias noturnos
Sentidos na pele o desejo de dominar e ser dominado
Mútuo desejo... Dor, prisão, submissão, feche a porta!

VERTIGO


3 comentários:

EU disse...

Bela descrição,pra quem gosta de dor ao extremo...bjks!

Mariana e César disse...

Lindo blog, excelentes postagens. AMEI!!!
E, aproveitando a oportunidade, eu lhe peço: acrescente o meu blog no seu.
http://intimidadeentrecasais.blogspot.com.br

Ficarei muito feliz.
O seu blog já está no meu, confira lá no campo: “Apreciem sem moderação”.
Beijos e obrigada.

Ayesk@ disse...

Faz tempo que não passava por aqui, querida!

passando para te desejar um mega terça!!!

E acrescentar que texto interessante...

bjs doces!