terça-feira, 2 de abril de 2013

Segunda-feira quente...



Corpo aquece
Anseios,receios
Um querer além
Olhos me fitam
dali daquele canto,observo teu olhar
Melo,aqueço,estremeço
Me sento,teus olhos me analisam
A hora chega
Entro em seu carro
Tento entender o que pensa
Não consigo
Subo as escadas,parecem eternas
Ali minha rendição,sinto teu olhar me queimando 
O Senhor me põe na parede,encosto
Entregue a suas vontades
Sobe meu vestido,tuas mãos me penetram
passeiam pelo meu corpo
Pensamento a mil
Observa-me frente e verso,sente meu cheiro de entrega
Não reluto
A teus pés fico,desejos me consomem
Beijo os pés de quem me toma
Te olho,te cheiro,minha língua te sente
Teus dedos me invadem,molho num desejo insano
Sorvo de meu mel,que ofereço a ti
Tu me rompe em força,em fogo
Rendida fico
De quatro te recebo,rebolo me oferecendo mais,gosto,gozo com sua permissão
frente e verso melada de prazer
Te oferto este querer
Experimento teu tesão
Grito no gozo desvairado
Daquele olhar a qual me entrego
Que se apossa, me fazendo sua....

nega 

Nenhum comentário: