sábado, 18 de janeiro de 2014

Faca

Os dentes mordem a pele
Marcando os desejos
As velas escorrem quentes
Desenhando o tesão que pulsa
A faca risca o fogo que brota
úmido por entre os espaços
As linguas gozam em meu céu estrelado

By nega

Um comentário:

Francisco Cleuto disse...

Extraordinário!!!! Fantástico! Surpreendente!!!